Marque Connosco
Veterinários Sobre Rodas
Fogos de Artifício e Animais de Estimação

Muitos de nós gostamos de ver uma vibrante e colorida exibição de fogos de artifício. Podem existir em qualquer altura, contudo nas festas, principalmente na passagem de ano, é extremamente comum este tipo de espetáculo.

O estouro que os fogos fazem podem ser emocionantes, ou aterradores, principalmente para quem não entende o que se está a passar. No caso dos nossos animais, eles não compreendem que são barulhos altos mas inofensivos, provocando assim uma grande sensação de medo.

Os fogos de artifícios podem provocar ansiedade, taquicardia, vómitos, tremores, perda de controlo de urina e/ou fezes, necessidade de se esconder ou fugir, uivar, gemer ou ladrar. Tudo isto são sinais clínicos de medo e stress provocados pelos fogos, que podem culminar em convulsões ou morte no caso de animais muito medrosos e/ou com algumas patologias crónicas.

animais e fogo de artifício

Vamos então dar algumas dicas do que pode fazer para ajudar o seu animal nestas alturas de stress:

Antes dos fogos de artifício:

  • Acostume o animal aos barulhos mais altos – pode usar sons de fogos de artifício num volume baixo e reforçar positivamente o seu animal quando ele ignora os sons e fica relaxado. Depois vá aumentando o volume;
  • Crie um ambiente/local calmo e relaxado – assim na altura de maior stress o seu animal tem um sitio que ele sente seguro. Pode ajudar usando feromonas, principalmente com os gatos. Use camas e esconderijos que o seu patudo mais goste e se sinta confortável;
  • Passeie e brinque com o seu animal – durante o dia e antes de começar os fogos deve ir passear ou brincar com o seu animal para o cansar e relaxar;
  • Alimente o seu animal – faça-o com 1 a 2 horas de antecedência da altura que sabe que vai ocorrer maior barulho, assim o seu amigo está mais relaxado, mas também não está totalmente cheio que aumente a probabilidade de vomitar com o stress.

Durante os fogos de artifício:

  • Mantenha o seu animal dentro de casa;
  • Tenha os dados do microchip em dia e coloque uma coleira identificadora caso, por acidente, o peludo fuja;
  • Não deixe o seu animal sozinho (sempre que possível);
  • Feche todas as portas, janelas, persianas, cortinas, para minimizar todo o barulho exterior;
  • Mantenha-se calmo, relaxado e ignore o barulho exterior (o seu animal vai sempre olhar para si a procura de sinais de alerta);
  • Mantenha, se possível, uma rotina normal durante os foguetes;
  • Coloque comida dentro de brinquedos para tentar distrair o seu animal do barulho exterior;
  • Brinque com o seu animal durante os fogos para o distrair;
  • Caso seja um gato, não o tente retirar do esconderijo que ele arranjou, podendo stressá-lo mais;
  • Se o patudo está habituado a sons de televisão ou rádio, mantenha estes ligados e altos, tentando abafar os sons exteriores, mas sempre com a atenção de não piorar o estado de alerta do animal;
  • Caso o seu animal seja mesmo muito medroso, fique à beira dele e dê-lhe carinho para o acalmar;
  • Se estiver na rua, coloque a trela no seu animal para o impedir de fugir e poder se perder, ou pior, magoar-se seriamente;
  • Pode usar alguns calmantes naturais para diminuir o stress e, caso tenha um animal que sofra de convulsões, tenha preparada a medicação SOS para as mesmas. Deve para isto consultar o seu médico veterinário para mais informações.

Estas alturas não tem de ser mais stressantes do que o que já são, deve ajudar o seu animal a ultrapassar com calma este momento complicado, ficando os dois mais relaxados.

Dúvidas?

Esclarecemos todas as dúvidas que possa ter sobre o seu animal de estimação.

Marque uma consulta!

Artigos Relacionados

Serviços de Veterinário em Casa

Serviços de SPA Sobre Rodas

Quero marcar um banho ou tosquia ao domicílio
Quero marcar um serviço de Creche Canina
Quero marcar uma consulta em Clínica

Conseguiram tratar da minha pequenina que tinha muito medo, e estando em casa está no seu habitat natural!

Fábio Teixeira
ver vídeo
Fábio Teixeira

Excelente consulta ! A gata precisava de ser vacinada e resolvi o meu problema !

Margarida Franco
ver vídeo
Margarida Franco

Onde atuamos

Oferecemos um serviço veterinário profissional para o seu animal de estimação, no seu ambiente natural: a sua própria casa.
Deslocamo-nos em toda a área de:

Grande Lisboa
Ericeira
Mafra
Margem Sul
Setúbal
Carregado
Samora Correia
Benavente
Grande Porto
Vila Nova de Gaia
Matosinhos
Maia
Póvoa de Varzim
Vila do Conde
Braga
Guimarães
Famalicão
Aveiro
Ovar
Oliveira de Azemeis
SJ Madeira
Lagos
Portimão
Silves
Armação de Pera
Albufeira
Quarteira
Loulé
Faro
Olhão
São Brás de Alportel
Tavira
Algoz
Veterinário ao Domicílio

Fale connosco, nós vamos até si!

Usufrua dos nossos serviços veterinários no conforto da sua casa. Conheça os nossos serviços e marque já!